segunda-feira, 9 de julho de 2012

Calebrando em Família


O inverno chegou com força na região do “Cabo das Tormentas”. Apesar do clima frio, ventos fortes e gelados e muita chuva, esse é um mês de celebração em nossa família. Portanto, esta carta tem mais um tom comemorativo do que mesmo informativo. Juntos, estamos revisitando nossa caminhada de lutas e vitórias, de tristezas e alegrias, de erros e acertos e, acima de tudo, revisitando as incontáveis marcas do cuidado de Deus para conosco nos últimos 9.125 dias ou 300 meses de vida conjugal.

Tudo começou em 1984 quando Iolanda e eu entendemos o plano de Deus para nossa vida. Namoramos e noivamos naquele ano, e no dia 11 de julho de 1987 nos casamos. Isso mesmo! Casamo-nos há 25 anos, isto é, estamos comemorando Bodas de Prata. Olhando para trás parece que foi ontem. Lembramos os preparativos, os detalhes com ornamentação e pequena recepção, testemunhas, daminha, oficiante (Rev. Jonas Cândido Ferreira), etc. e a intensa alegria repartida com amigos e familiares.

Em nossos primeiros 18 meses de casados ainda estava cursando o Seminário Presbiteriano do Norte, em Recife. Lembramos nossa primeira casa no antigo prédio do SPN, que chamávamos carinhosamente de “Maranata! Vem Senhor Jesus, antes que isso caia”. Lembramos nossos primeiros cinco anos de ministério na cidade baiana de Senhor do Bonfim, junto às duas Igrejas Presbiterianas da cidade (Primeiro de Maio e Lírio dos Vales), Presbitério de Campo Formoso. Ali nasceram nossos 3 preciosos filhos. Muito diferentes uns dos outros, porém, amigos sempre unidos.

Lembramos, com júbilo, a chegada do nosso primeiro filho. Novamente voltamos aos preparativos e às maravilhosas expectativas que cercam esse momento sublime na vida de qualquer família. Sua chegada, lindo e saudável, encheu nossa casa e o coração. Guilherme, hoje com 22 anos de idade, continua lindo, saudável. Um homem temente a Deus, forjado, honesto e trabalhador. Como admiramos nosso filho e como somos gratos a Deus por sua vida!

E assim veio nosso segundo filho, artista desde pequeno. Sempre muito independente, compenetrado e laborioso. Não foi à toa que aos 19 anos decidiu viajar por mais de 30 horas sozinho para uma experiência transcultural de 8 meses na China. Seu encanto pelas artes só tem aumentado e hoje, aos 21 anos de idade, cursa Animação. Seu caráter, suas convicções, maturidade e firmeza na fé nos enche o coração de alegria.
 
Por fim nasceu Leonardo, nosso terceiro e último filho. Meio que de surpresa, apareceu para completar a alegria de nossa família. Seu espírito alegre e bom humor contagiam a todos ao seu redor, porém sem perder o senso do equilíbrio. Aos 19 anos, está cursando Bacharelado em Ciências com o foco em Microbiologia pela Universidade de Stellenbosch.

Estamos repartindo nossa história com vocês porque são participantes conosco de tudo isso. Não temos como expressar nossa gratidão a Deus pelo seu insondável amor demonstrado a nós de muitas maneiras, sendo vocês a principal delas.

Motivos de agradecimento
  • Em maio Iolanda completou 50 anos de vida. Ela resolveu repartir sua alegria com irmãos e irmãs na Igreja Presbiteriana do Kenilworth. Louvamos a Deus pelos anos de vida dedicados a Ele.
  • Pelos nossos 25 anos de casados no dia 11/07.
  • Pelos três filhos maravilhosos que Deus nos deu. 

Motivos de oração
  • Pela viagem a Maputo no dia 13/07 para representar a APMT no Centenário da ordenação do primeiro pastor negro na Igreja Presbiteriana de Moçambique e 130 anos de organização da referida igreja.
  • Pela viagem a Luanda no final do mês com Rev. Marcos Agripino e liderança da UPH/IPB para diálogos com Igreja Presbiteriana de Angola cooperação missionária.
  • Pelas famílias de amigos nossos que recentemente perderam seus entes queridos. Carol, mãe do Rev. Mike Muller e Frank Fernandes, membro da Igreja Portuguesa do Cabo.

Seus parceiros na missão
Rev. Gessé Almeida Rios (pela família)

Contribuições para o ministério do Rev. Gessé e família podem ser feitas das seguintes maneiras, sempre usando o código 0,14 em centavos (exemplo: R$ 50,14):
Banco do Brasil - Agência: 0635-1 (Cambuci) - C/C: 7500-0;
Banco Bradesco - Agência: 119-8 (Cambuci) - C/C: 107965-4;
Transferência online - CNJP: 04.138.895/0001-86;
Boleto bancário – Neste caso ligar para o (011 3341 8339) solicitando boletos bancários para efetuar o depósito.

Nenhum comentário: